Agentes internos de melhoria contínua: uma revisão bibliográfica

  • Marcus Vinicius Vivone Universidade de São Paulo
  • Alvair Silveira Torres Junior Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Palavras-chave: eficiência organizacional, melhoria contínua, agentes

Resumo

A implantação de um processo ou programa de melhoria contínua pode ser verificada amplamente no contexto organizacional. Para que produtos, processos e serviços sejam melhorados é necessário a realização de intervenções, usualmente denominadas projetos de melhoria. Os profissionais, membros da organização, devem estar aptos, disponíveis e engajados na identificação, seleção e condução de projetos de melhoria. O presente artigo visa identificar elementos relevantes para a transformação efetiva de profissionais, membros da organização, em agentes internos de melhoria. Foi realizada uma extensa revisão bibliográfica nas bases de dados Web of Sciene e Proquest. Os conceitos identificados como relevantes foram transformados em proposições teóricas. Recomendações a prática gerencial e a teoria acadêmica foram listadas, incluindo as limitações das conclusões.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcus Vinicius Vivone, Universidade de São Paulo
Mestrando do Programa de Mestrado em Empreendedorismo da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Alvair Silveira Torres Junior, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Professor Doutor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Publicado
28-12-2016
Como Citar
Vivone, M. V., & Torres Junior, A. S. (2016). Agentes internos de melhoria contínua: uma revisão bibliográfica. Gestão E Sociedade, 11(28), 1611-1636. https://doi.org/10.21171/ges.v11i28.2124