Percepção de Servidores de uma Organização Pública Federal Quanto à Implantação da Gestão por Competências

  • Lana Montezano Universidade de Brasília
  • Bárbara Novaes Medeiros Universidade de Brasília
  • Andressa Oliveira Pinheiro Universidade de Brasília
  • César Augusto Assis Mascarenhas de Oliveira Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão

Resumo

O Decreto nº 5.707/2006 representa o marco legal da política de diretrizes para a gestão por competências (GC) na Administração Pública. O artigo objetivou descrever a percepção de servidores quanto ao processo de implantação da GC em uma Organização Pública Federal quanto às dificuldades e possíveis benefícios com este modelo de gestão. Trata-se de estudo de caso descritivo, transversal, qualitativo, com aplicação de questionários em 16 servidores. Utilizou-se triangulação e análise de conteúdo. Os resultados indicaram que a Organização executou ações iniciais de diagnóstico e captação de competências. Há compreensão dos servidores quanto ao conceito de GC, apesar da maioria não ter tido formação ou experiência anterior no tema. Identificou-se percepções quanto às principais dificuldades (ex: cultura organizacional, limitações metodológicas e práticas à implantação) e benefícios esperados (ex: melhoria no desempenho e na alocação de pessoal). Ao final, propõem-se estudos futuros para melhoria da implantação da GC em Organizações Públicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bárbara Novaes Medeiros, Universidade de Brasília

Doutoranda em Administração - PPGA / UnB

Andressa Oliveira Pinheiro, Universidade de Brasília

Graduanda em Administração - Departamento de Administração (FACE) / UnB

Publicado
01-12-2018
Como Citar
Montezano, L., Medeiros, B., Pinheiro, A., & Oliveira, C. (2018). Percepção de Servidores de uma Organização Pública Federal Quanto à Implantação da Gestão por Competências. Gestão E Sociedade, 13(34). https://doi.org/10.21171/ges.v13i34.2563